Os limites de THC do cânhamo no mundo

Os limites de THC do cânhamo são estabelecidos em cada país de acordo com suas regulamentações locais, mas essa quantidade é influenciada por uma série de fatores; entenda

O THC é um dos principais fitocanabinoides encontrados na maconha, mas que, no cânhamo, (uma variação da Cannabis sativa L.) está presente em baixa quantidade. No entanto, esse nível pode variar de acordo com a legislação de cada país, já que existe um estigma  em torno do THC e, para muitas nações, quanto menor for seu nível nos produtos de cânhamo, menor a chance de outras burocracias, por isso cada país possui seus próprios limites de THC do cânhamo.

O cânhamo, portanto, é cultivado para que outros fitocanabinoides  sejam explorados pelo mercado, como o CBD. Ainda, a planta também é utilizada para fins industriais, pois todas as partes de sua estrutura podem ter aplicações diversas – do caule se extrai uma fibra que pode virar tecido da semente se extrai o grão que pode virar leite vegetal, da flor se extrai óleos ricos em CBD para fins medicinais etc.

Isso significa que, sem THC, não há como a planta ser aproveitada de forma recreativa e há certas limitações em seu quesito terapêutico. De qualquer forma, o cânhamo, assim como a cannabis, também sofreu com o proibicionismo. A planta foi considerada uma substância perigosa, principalmente por questões políticas em relação ao favorecimento a outras indústrias do mercado com as quais o cânhamo competia.

THC: o que é e sua relação com o cânhamo

O THC, junto com o CBD, é o fitocanabinoide mais abundante na cannabis. Ele é principalmente conhecido por causar efeitos psicotrópicos, isto é, deixar “chapado”, mas também oferece propriedades medicinais importantes, em especial quando age conjuntamente com outros princípios ativos da cannabis no organismo, causando o que se chama de efeito entourage ou efeito de comitiva.

No cânhamo, no entanto, não há uma quantidade relevante de THC, o que impede essa planta de ser utilizada para fins recreativos. Ainda assim, muitos países controlam esse nível e desejam atingir o menor deles possível, pois investem mais no CBD como propriedade medicinal, até porque esse fitocanabinoide não causa efeitos psicotrópicos e há menos preconceito em torno dele.

O que influencia os limites de THC do cânhamo?

limites de thcOs métodos e áreas de cultivo influenciam na quantidade de THC que é produzida pela planta. Quando há uma alta incidência de luz solar na planta, o fitocanabinoide THCA  (forma química anterior ao THC) passa pelo processo de descarboxilação (calor, oxidação ou luz) e cria maiores quantidades de THC. Isso significa que, quanto mais frio for o território em que ocorre o cultivo, mais simples é controlar o THC e, portanto, obtém-se níveis mais baixos.

A partir de uma pesquisa da Kaya Mind, viu-se que os limites mais baixos de THC são referentes à países em zonas temperadas e polares, enquanto os limites mais altos, às zonas intertropicais. No Brasil, onde o clima é tropical, caso houvesse uma regulamentação do cultivo de cânhamo com baixo limite de THC, as sementes da planta precisariam ser selecionadas estrategicamente, já que os perfis canabinoides são variados, e, possivelmente, precisariam ser até adaptadas ao território nacional. Ainda, possivelmente poderiam haver perdas significativas de colheitas que ultrapassassem esse limite baixo e não pudessem comercializar seu produto.

Limite de THC por país que tem o cânhamo legalizado

França

  • Zona: Temperada
  • Área cultivada de cânhamo: 14.550 hectares (2019)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,05%
  • Limite de THC:  0,3%

China

  • Zona: Temperada/Intertropical
  • Área cultivada de cânhamo: 407.267 hectares (2019)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,25%
  • Limite de THC: 0,3%

Lituânia

  • Zona: Temperada
  • Área cultivada de cânhamo: 9.000 hectares (2019)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,3%
  • Limite de THC: 0,3%

Colômbia

  • Zona: Intertropical
  • Área cultivada de cânhamo: 45 hectares (2019)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,00009%
  • Limite de THC: 1%

Austrália

  • Zona: Temperada/Intertropical
  • Área cultivada de cânhamo: 2.500 hectares (2020)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,007%
  • Limite de THC: 1%, variando conforme a província 

Holanda

  • Zona: Temperada
  • Área cultivada de cânhamo: 3.833 hectares (2020)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,2%
  • Limite de THC: 0,5%

EUA

  • Zona: Temperada/Polar
  • Área cultivada de cânhamo: 27.593 hectares (2020)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,02%
  • Limite de THC: 0,3%

Uruguai

  • Zona: Temperada
  • Área cultivada de cânhamo: 456 hectares (2021)
  • Participação do cânhamo no total agricultável: 0,003%
  • Limite de THC: 1%

Vale citar que esses dados foram compostos pela Kaya Mind a partir de uma pesquisa em outubro de 2021, o que significa uma possível atualização dessas informações nos últimos meses.

Para conhecer a zona, limite de THC e áreas cultivadas de cânhamo em outros países de forma mais detalhada, acesse o relatório gratuito “Cânhamo no Brasil”, lançado em março de 2022.

Referências:

https://www.usda.gov/farmbill

https://mjbizdaily.com/global-hemp-potential/?cn-reloaded=1

https://www.fao.org/faostat/en/#data/RL/visualize

https://www.industria420.com/noticias/la-union-europea-establece-la-definicion-del-canamo-en-03porciento-de-thc

https://www.embrapa.br/busca-de-noticias/-/noticia/30972114/nasa-confirma-dados-da-embrapa-sobre-area-plantada-no-brasil

http://www.fao.org/3/y2722e/y2722e0v.htm#:~:text=Arable%20land%20and%20permanent%20crops,horticultural%20crops%20and%20linen%20fibre.

https://www.statista.com/statistics/1204146/area-for-hemp-cultivation-by-country-europe/

https://www.statista.com/statistics/682245/australia-agricultural-area-by-type/

https://dailycbd.com/en/australasia/#:~:text=In%20Australia%2C%20CBD%20is%20legal,doesn%27t%20exceed%202%25.

https://www.repository.fedesarrollo.org.co/bitstream/handle/11445/3823/Repor_Diciembre_2019_Ramírez.pdf

https://www.abc.net.au/news/science/2020-01-24/hemp-cannabis-growing-australia-industry/11788030

https://hempindustrydaily.com/france-italy-netherlands-lead-europe-for-hemp-land-use-industry-group-says/#:~:text=The%20top%2010%20European%20countries,Netherlands%3A%203%2C833%20hectares

https://www.nass.usda.gov/index.php

https://www.essentiapura.com/is-cbd-legal-in-the-netherlands/

https://www.wko.at/service/aussenwirtschaft/praesentation-cannabiswebinar-2021.pdf

https://www.gub.uy/ministerio-ganaderia-agricultura-pesca/cannabis-no-psicoactivo

https://www.elrionegrense.com.uy/2021/11/27/el-sector-de-cannabis-en-uruguay-continua-echando-raices/

Cadastre-se em nossa newsletter!

    Compartilhe essa informação!

    primeiro animal a ser tratado com cannabis

    Primeiro animal a ser tratado com cannabis

    O uso veterinário da cannabis tem se tornado uma pauta importante no meio canábico e na indústria pet, mas, na verdade, os animais de estimação já são tratados à base da planta há centenas de anos; conheça o histórico

    Leia Mais!

    Contato

      Deixe um comentário

      O seu endereço de e-mail não será publicado.