Dor na coluna e cannabis: o CBD como aliado no alívio de dores ósseas

Tempo de leitura: 5 min

Publicado em

A dor na coluna é uma condição tão comum quanto incômoda, e muita gente não consegue se livrar desse mal, mas o tratamento com a cannabis gera expectativas positivas para quem enfrenta esse desconforto

Quando falamos de dor, sabemos o quanto condição pode ser extremamente desconfortável e até incapacitante. Quando a dor atinge a coluna, uma das principais partes responsáveis pela sustentação e equilíbrio do nosso corpo, sabemos que por mais comum que seja, causa um forte e preocupante incômodo. O que muita gente não sabe, é que em casos de dor na coluna a cannabis pode auxiliar, promovendo alívio e controle dos sintomas.

A dor na coluna é uma condição muito comum e que pode ter várias causas. Muitas vezes, o estresse, o cansaço, má postura, exercícios mal conduzidos e falta de atividade física pode desencadear esses dores que variam em frequência e intensidade. Mas outros problemas também podem resultar em patologias na coluna, como o caso de espondilose (artrose na coluna), hérnias de disco e outras desordens estruturais nessa parte do corpo. Dependendo do caso, a dor na coluna pode ser debilitante e prejudicar significativamente a qualidade de vida de quem a enfrenta.

A coluna vertebral

A coluna é uma das grandes responsáveis pela sustentação do corpo, proteção da medula espinhal e facilitação dos movimentos. Ela dividida em cinco partes principais, cada uma composta por um conjunto de vértebras.

dor na coluna e cannabis

A região cervical é a parte superior da coluna vertebral, composta por sete vértebras cervicais, numeradas de C1 a C7. A primeira vértebra, C1, é chamada de atlas, e a segunda, C2, é chamada de áxis. Essas vértebras cervicais suportam o crânio e permitem uma ampla gama de movimentos do pescoço. Logo abaixo das vértebras cervicais, encontramos 12 vértebras torácicas numeradas de T1 a T12. Essas vértebras estão conectadas às costelas e formam a parte média das costas.

As cinco vértebras lombares são numeradas de L1 a L5 e estão localizadas na região lombar da coluna vertebral, na parte inferior das costas. Essas vértebras lombares suportam grande parte do peso do corpo. As cinco vértebras sacrais são fusionadas em uma única estrutura chamada osso sacro, que se conecta à pelve. O osso sacro está localizado na base da coluna vertebral. As vértebras coccígeas, geralmente quatro, estão localizadas na região final da coluna vertebral e formam o cóccix. O cóccix é uma estrutura vestigial que remanesce da evolução humana.

Qual o tratamento para dor na dor na coluna

O tratamento da dor na coluna depende da causa da queixa e pode variar desde atividade física, repouso, fisioterapia e medicamentos para dor, até em cirurgias em casos mais graves. O mais importante buscar o atendimento de um profissional da saúde, de preferência especialista na área, para avaliar a causa da dor e desenvolver um plano de tratamento adequado. A prevenção também é fundamental, incluindo a manutenção de uma postura adequada, a prática de exercícios regulares e o cuidado com a saúde geral.

Geralmente, os especialistas indicam alguns cuidados que podem trazer alívio, como compressas de água quente, alongamento, reeducação postural global (RPG) e fisioterapia. Quando as intervenções farmacológicas, medicamentos anti-inflamatórios, analgésicos, relaxantes musculares, entre outras fármacos, também são prescritos regularmente.

Dor na coluna e cannabis: como ela pode auxiliar nesses casos

Na maioria das vezes, e dependendo da causa, quem lida com dor na coluna acaba integrando em sua rotina medicamentos via oral e até injetáveis. Muitas vezes insuficientes, a cannabis surge como uma alternativa eficaz no combate a dor na coluna.

dor nas costas e cannabis

O extrato da cannabis contém mais de 500 compostos naturais, incluindo centenas que têm potencial para interagir com o sistema endocanabinoide do corpo humano. Os endocanabinoides são derivados do ácido araquidônico, que são liberados pelas células nos tecidos lesionados.

O canabidiol (CBD) é um dos compostos da cannabis que mais vem sendo estudado nos últimos anos. Cientistas já confirmam que a substância é capaz de reduzir a dor crônica, devido as suas propriedades analgésicas e anti-inflamatórias.

Os efeitos analgésicos do CBD ocorrem em parte devido à sua interação com o sistema endocanabinoide do corpo, que desempenha um papel fundamental na regulação da dor, homeostase e outras funções fisiológicas. O CBD tem a capacidade de influenciar os receptores de dor e reduzir a percepção da dor, tornando-o uma opção valiosa no tratamento de condições de dor crônica, como artrite, dores neuropáticas e dores musculares.

Além de suas propriedades analgésicas, o CBD também apresenta propriedades anti-inflamatórias, o que o torna eficaz no tratamento de condições reumatismo reumatoide e doenças inflamatórias do sistema digestivo. Ele atua inibindo as vias inflamatórias no corpo, reduzindo assim a inflamação e a dor associada a essas condições. Mesmo com a eficácia comprovada do CBD, alguns estudos garantem que o uso de THC ainda pode promover mais benefícios para pacientes que sofrem com dor na coluna. Nessa direção, sabe-se que a combinação de canabinoides pode ser vantajosa no tratamento de diversas condições médicas. O mecanismo chamado efeito entourage, vem sendo foco de diferentes estudos, e é em muitos casos, uma alternativa viável para o quadro de alguns pacientes.

A dor na coluna é uma queixa comum que pode variar em intensidade, duração e tipo. Esse incomodo pode ser causado por diferentes fatores.

A dor pode se desenvolver gradualmente, aumentando em intensidade ao longo do tempo, ou pode aparecer subitamente, de forma inesperada. É importante notar que a rapidez com que a dor surge e sua intensidade geralmente não estão diretamente ligadas à gravidade do problema.

Nos Estados Unidos, estudos afirmam que 80% dos adultos se queixam de dor na lombar em algum momento durante a vida, sendo que a condição é causa comum de incapacidade relacionada ao trabalho.

canabidiol para dor nas costas

O potencial terapêutico da cannabis tem sido objeto de muita pesquisa nos últimos anos. Por mais que o manejo da dor ainda seja um desafio clínico, em relação ao seu tratamento, há uma quantidade extensa de estudos científicos que buscam comprovar a eficácia da cannabis. Felizmente, esses estudos têm demonstrado resultados promissores, que garantem que os compostos da planta são repletos de propriedades terapêuticas no alívio desse tipo de sintoma.

Se você enfrenta dor na coluna e tem a intenção de fazer um tratamento com os compostos da cannabis, é importante buscar um profissional que tenha experiência e prescreva esse tipo de medicamento. No caso específico da dor na coluna, há ortopedistas, os profissionais especialistas nesse tipo de condição, que além de avaliarem as causas do problema, também facilitam o uso dos derivados da planta. Atualmente, há diversas formas de obter acesso aos derivados da planta, que estão disponíveis em farmácias, associações e via importação. O mais importante é não negligenciar essas dores, para evitar problemas ainda mais graves a longo prazo.

Referência

https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/33381642/

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
exercício físico e bem-estar
Maria Riscala

Benefícios do exercício físico para o corpo e mente

Descubra os impactos transformadores do exercício físico no seu bem-estar geral. Saiba como a atividade regular pode melhorar sua saúde física e mental, promovendo uma vida mais longa e feliz. Dicas inclusas para incorporar o exercício na sua rotina diária

Leia mais

Não perca nossos conteúdos!

Se inscrevendo em nossa newsletter você fica sabendo de todas as novidades que rolam por aqui e recebe nossos relatórios e promoções em primeira mão!


    0
    Nós adoraríamos saber sua opinião, deixe seu comentário!x