Remédios para ansiedade: conheça as opções e alternativas naturais

Tempo de leitura: 7 min

Publicado em

Explore opções farmacológicas e alternativas naturais, aprenda sobre os medicamentos mais indicados, entenda suas diferenças e conheça formas de aliviar a ansiedade sem remédios.

Você já sentiu uma sensação de preocupação constante, acompanhada por nervosismo e inquietação? Dependendo da intensidade e frequência desses sintomas, pode ser que você esteja lidando com um transtorno de ansiedade. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil possui uma das maiores taxas de ansiedade do mundo. Estima-se que cerca de 9,3% dos brasileiros, o que representa aproximadamente 19 milhões de pessoas, sofram de transtorno de ansiedade e por isso, a pesquisa sobre alternativas e remédios para ansiedade aumenta cada vez mais.

Neste artigo, vamos explorar mais sobre uma das abordagens de tratamento para a ansiedade: o uso de remédios. Nosso objetivo é informar sobre as opções disponíveis no mercado brasileiro, a diferença entre elas e quais opções naturais também podem ser úteis. 

Identificando a ansiedade

Antes de adentrarmos nas opções de tratamento, é importante reconhecer os sinais de ansiedade. A ansiedade pode se manifestar por meio de sintomas físicos, comportamentais, cognitivos e emocionais que envolvem uma ampla gama de sensações desconfortáveis.

No caso dos sintomas físicos e comportamentais, você pode perceber palpitações cardíacas, sudorese, inquietação, tensão muscular, e se sentir também irritado, com insônia e dificuldade de se concentrar. Cada pessoa percebe a ansiedade de uma forma e com uma frequência. É uma experiência muito particular e incômoda, mas que pode ser avaliada por um profissional. Então, caso esses sintomas sejam recorrentes e interfiram em sua vida diária, é recomendável buscar ajuda profissional para obter diagnóstico adequado. O mais importante é que esse mal-estar tem tratamento e você pode se sentir melhor se procurar suporte.

Opções de tratamento

Existem diversas abordagens para tratar a ansiedade, sendo uma delas o uso de medicamentos. É ideal que o tratamento medicamentoso seja combinado com psicoterapia e seja acompanhado por um profissional de saúde.

A medicação pode ajudar a aliviar os sintomas e proporcionar um maior equilíbrio emocional, porém muitos deles possuem contraindicações e/ou efeitos colaterais, por isso é muito importante que você busque um profissional para te ajudar nesse processo.

Remédios para ansiedade no Brasil

Alguns dos principais remédios para ansiedade disponíveis nas farmácias brasileiras incluem:

Ansiolíticos

  • Alprazolam: um ansiolítico de ação rápida que ajuda a reduzir a ansiedade e promover um efeito calmante.
  • Diazepam: um ansiolítico com efeito tranquilizante, que atua no sistema nervoso central para aliviar a ansiedade e relaxar os músculos.
  • Lorazepam: um ansiolítico de ação rápida que ajuda a controlar a ansiedade, o estresse e a agitação.
remedios para ansiedade

Antidepressivos

  • Sertralina: um antidepressivo da classe dos inibidores seletivos de recaptação de serotonina (ISRS), que pode ser eficaz no tratamento da ansiedade.
  • Fluoxetina: outro ISRS com propriedades antidepressivas e ansiolíticas, que ajuda a reduzir os sintomas de ansiedade e a melhorar o humor.
  • Escitalopram: um ISRS que ajuda a restaurar o equilíbrio de neurotransmissores no cérebro, auxiliando no controle da ansiedade e da depressão.

Betabloqueadores

  • Propranolol: um betabloqueador comumente usado para tratar a ansiedade relacionada a situações específicas, como apresentações em público ou eventos estressantes. Ele atua bloqueando os receptores beta-adrenérgicos, reduzindo assim os sintomas físicos da ansiedade, como palpitações e tremores.
  • Atenolol: outro betabloqueador que pode ser prescrito para ansiedade, ajudando a controlar os sintomas físicos relacionados ao estresse, como aumento da frequência cardíaca e sudorese excessiva.

Óleo de cannabis

É importante destacar que a escolha do medicamento adequado depende de diversos fatores individuais e deve ser determinada pelo médico. Cada um desses medicamentos possui mecanismos de ação específicos e pode apresentar efeitos colaterais, que devem ser devidamente discutidos com um profissional de saúde. Além disso, sempre lembramos que a ansiedade, assim como outras condições médicas é algo sério e que deve ser levado como tal pelos pacientes, familiares e outras pessoas próximas.

Caso você sinta que seus sintomas estão piorando, busque a ajuda de um profissional da saúde com o qual esteja confortável o mais rápido possível. O CVV (Centro de Valorização da Vida) realiza o apoio emocional e prevenção do suicídio, se você sentir que essa pode ser uma opção para você, o telefone para contato é o 188. Os atendimentos são gratuitos e o serviço funcional por telefone, e-mail e chat 24h por dia.

Alternativas naturais e complementares

Além dos remédios convencionais, existem opções naturais e complementares que podem auxiliar no alívio da ansiedade. Algumas alternativas populares incluem a prática de exercícios físicos regulares, técnicas de respiração e relaxamento, meditação, fitoterápicos e terapias complementares, como a acupuntura. É importante ressaltar que essas alternativas podem ser utilizadas em conjunto com o tratamento convencional, mas devem ser discutidas com um profissional de saúde.

Alguns esclarecimentos sobre os remédios para ansiedade

Sabemos que esse é um tema difícil e para muitas pessoas, um assunto que faz parte do dia a dia, por isso, fizemos um compilado das principais dúvidas dos usuários e respondemos de forma direta e fácil.

Qual o medicamento mais indicado para ansiedade?

O medicamento mais indicado para ansiedade depende do seu caso específico e deve ser determinado por um profissional de saúde. Os ansiolíticos e antidepressivos são opções comuns, como o alprazolam, diazepam, sertralina e fluoxetina, mas cada pessoa responde de forma diferente aos medicamentos.

O que é bom para aliviar a ansiedade?

Além dos medicamentos prescritos, algumas estratégias podem ajudar a aliviar a ansiedade, como a prática regular de exercícios físicos, técnicas de respiração e relaxamento, meditação, terapia cognitivo-comportamental e suporte social.

Qual o antidepressivo que não precisa de receita médica?

No Brasil, todos os antidepressivos são medicamentos de prescrição médica. É importante consultar um médico para obter uma receita adequada e monitorar seu uso.

Qual o melhor remédio para ansiedade que não causa dependência?

Alguns antidepressivos, como a sertralina, têm sido amplamente utilizados no tratamento da ansiedade e têm um perfil de baixo risco de causar dependência. No entanto, cada caso é único, e é essencial discutir com um médico qual a melhor opção para você.

Qual é o melhor antidepressivo natural?

Não existe um “melhor” antidepressivo natural universalmente estabelecido. No entanto, algumas opções naturais podem ajudar no alívio dos sintomas da ansiedade, como a prática de exercícios físicos, meditação, ioga e o uso de suplementos naturais, como a erva de São João. É importante conversar com um profissional de saúde para obter orientações adequadas.

O que pode substituir os antidepressivos?

Os antidepressivos são frequentemente prescritos para tratar a ansiedade e a depressão. No entanto, em alguns casos, terapias alternativas, como terapia cognitivo-comportamental, psicoterapia e práticas de autocuidado, podem ser eficazes como complemento ou até mesmo como alternativa ao uso de medicamentos. A escolha depende das necessidades individuais e da recomendação médica.

Diferença entre antidepressivo, ansiolítico e betabloqueadores.

Os antidepressivos são usados principalmente para tratar a depressão, mas também podem ser eficazes no tratamento da ansiedade. Os ansiolíticos são medicamentos que agem diretamente no alívio da ansiedade e podem ter efeitos calmantes. Já os betabloqueadores são usados principalmente para controlar sintomas físicos da ansiedade, como palpitações e tremores, ao bloquear a ação da adrenalina.

Formas de amenizar a ansiedade sem remédio?

Existem várias formas de amenizar a ansiedade sem o uso de remédios, como a prática regular de exercícios físicos, técnicas de respiração e relaxamento, meditação, terapia cognitivo-comportamental, suporte social, redução do consumo de cafeína e álcool, e a adoção de um estilo de vida saudável.

Quais são os principais remédios para ansiedade disponíveis na farmácia?

Alguns dos principais remédios para ansiedade disponíveis na farmácia incluem ansiolíticos como o alprazolam, diazepam, lorazepam e clonazepam, além de antidepressivos como a sertralina, fluoxetina e escitalopram.

Quais são os principais remédios naturais para ansiedade?

Alguns remédios naturais para ansiedade incluem a erva de São João, a camomila, o maracujá, a lavanda, a valeriana e o óleo essencial de laranja. No entanto, é importante lembrar que esses remédios naturais não substituem a orientação médica e podem ter interações com outros medicamentos, portanto, é necessário conversar com um profissional de saúde antes de utilizá-los.

Qual a diferença entre remédio natural e prescrito?

A diferença entre remédios naturais e prescritos reside principalmente na origem e na regulamentação. Os remédios prescritos são medicamentos desenvolvidos em laboratório e passam por rigorosos testes e aprovações pelas agências regulatórias. Já os remédios naturais são feitos a partir de substâncias naturais, como plantas e ervas, e podem não ter passado pelos mesmos testes e regulamentações. No entanto, é importante destacar que mesmo os remédios naturais devem ser usados com cautela e sob orientação adequada.

A ansiedade é um transtorno comum que pode afetar significativamente a qualidade de vida das pessoas. A medicação é uma ferramenta muito importante no alívio de sintomas, mas é fundamental que causas e comportamentos que reforçam a ansiedade também sejam tratados. É comprovado cientificamente que a psicoterapia associada com a terapia medicamentosa seja a abordagem mais adequada no tratamento desses transtornos. A psicologia é composta por diferentes abordagens.

A Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC) é uma das abordagens da Psicologia mais eficazes para o tratamento de transtornos da ansiedade e se embasa em várias técnicas de desenvolvimento de habilidades de enfrentamento saudáveis, modificação de pensamentos disfuncionais e estratégias eficazes de manejo da ansiedade. Por isso, caso você perceba que está sentindo esses desconfortos, não deixe de procurar ajuda profissional.

Além dos remédios, você também pode considerar opções naturais e complementares, bem como a adoção de mudanças no estilo de vida. Lembre-se de que cada pessoa é única, e o que funciona para uma pessoa pode não funcionar para outra. Não hesite em procurar auxílio profissional para encontrar o melhor caminho para o seu bem-estar mental.

Esperamos que este artigo tenha fornecido informações valiosas e esclarecido suas dúvidas sobre remédios para ansiedade. Lembre-se de que você não está sozinho nessa jornada, e existem recursos disponíveis para ajudá-lo a gerenciar e superar a ansiedade.

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Maria Riscala

Temple Ball: aprenda tudo sobre esse tipo de haxixe

Explore o mundo fascinante das Temple Balls: de sua rica história, ligada ao lendário Frenchy Cannoli, até dicas práticas de uso e aplicação medicinal. Descubra como esta antiga arte pode enriquecer sua experiência com cannabis.

Leia mais

Não perca nossos conteúdos!

Se inscrevendo em nossa newsletter você fica sabendo de todas as novidades que rolam por aqui e recebe nossos relatórios e promoções em primeira mão!

    0
    Nós adoraríamos saber sua opinião, deixe seu comentário!x