Efeitos adversos da psilocibina: “bad trip” com cogumelos mágicos

Tempo de leitura: 7 min

Publicado em

Entenda que significa e como acontece a bad trip com cogumelos mágicos e quais providências tomar nesses casos.

Conhecidos como cogumelos alucinógenos, mágicos ou psicodélicos, os fungos ricos em psilocibina têm sido explorados pela ciência e apresentado efeitos surpreendentes, mas nem sempre as sensações provocadas pela substância são positivas. A bad trip com cogumelos mágicos também pode acontecer e causar desconfortos memoráveis. Vamos entender o que desencadeia essas reações, como evitá-las e o que fazer caso a bad trip de fato ocorra.

Os cogumelos mágicos e seus componentes

 A psilocibina é um composto encontrado nos cogumelos mágicos do gênero Psilocybe. Ela pertence a uma classe de substâncias chamadas alucinógenos psicodélicos ou enteógenos e possuem a capacidade de afetar a percepção, os sentidos e o pensamento. O Psilocybe cubensis é considerado o cogumelo mágico mais conhecido do mundo e a variação mais comum no Brasil. Recentemente, sua popularidade se expandiu para diferentes países, que tem demonstrado interesse medicinal e industrial nos organismos que possuem a substância em sua composição.

bad trip de cogumelos

As propriedades da psilocibina interagem com os receptores de serotonina do nosso cérebro e promove os chamados efeitos alucinógenos. Os consumidores mais frequentes de psilocibina descrevem que o uso da substância provoca uma expansão da consciência e percepções diferenciadas sobre si mesmo e o mundo ao seu redor. Essas reações fizeram com que os cogumelos mágicos fossem associados a rituais sagrados e místicos em diversas culturas. Grande parte das pessoas que busca o contato com os cogumelos mágicos, tem interesse de expandir o autoconhecimento, a consciência e as conexões espirituais.

Como são alucinógenos, os sentidos ficam mais sensíveis e potentes. Ao fazer o uso dos cogumelos mágicos, é esperado que os efeitos processem as experiências como mais intensas e você perceba coisas novas ao seu redor. Essas sensações geralmente são inéditas para quem experimenta. Nesse sentido, especialistas garantem que cogumelos mágicos proporcionam experiências que podem potencializar e intensificar questões inconscientes. No entanto, algumas pessoas relatam experiências profundamente espirituais e transformadoras, enquanto outras podem ter reações negativas ou experenciar um episódio desconfortável em algum momento. Por essas razões, é do conhecimento de entusiastas, que alguns momentos não são adequados para que os iniciantes tenham seu primeiro contato, e por isso alguns cuidados devem ser tomados.

O que é a bad trip com cogumelos mágicos?

O fenômeno conhecido como bad trip consiste em uma reação emocional ou física negativa após fazer o uso de alguma substância. Especialmente no caso de alucinógenos, sintomas como ansiedade, momentos de paranoia, recordar traumas, e lembranças desconfortáveis podem ser desencadeadas. Além disso, sensações físicas incômodas também podem ocorrer. No entanto, podemos estar atentos a alguns fatores para tentar evitar ou controlar essas questões:

  • Saúde mental e questões emocionais

É muito importante que você tenha cuidado antes de fazer o uso de qualquer substância. A maioria delas exige que o usuário esteja se sentindo bem no geral, tanto emocionalmente quanto fisicamente. Então, esteja atento a forma em que você está se sentindo. Se não estiver em um dia bom, calmo, descansado, talvez seja melhor deixar a oportunidade para outro momento. As substâncias podem potencializar sentimentos e sensações negativas que já estão presentes. Tudo tem sua hora, e você tem que prestar atenção no momento ideal para ter essa experiência. Caso sua intenção seja mesmo enfrentar qualquer sensação que venha à tona, é muito importante ter consciência que a circunstância emocional que você está inserido no momento pode realmente interferir no efeito da substância e causar sofrimento psicológico. Além disso, as expectativas em relação a esse momento também podem interferir na experiencia. Se você estiver muito nervoso ou ansioso antes de fazer o uso de cogumelos mágicos, é provável que essas sensações negativas possam se manifestar durante o consumo.

  • Interações medicamentosas

A ingestão de alguma substância potente em conjunto com medicamentos pode gerar uma interação perigosa. Se você faz uso de algum antidepressivo, @IMAOs, inibidores seletivos de receptação de serotonina, ou algum outro tipo de medicação, é bom ter cuidado e investigar os riscos de entre a interação. Como a psilocibina atua diretamente no cérebro ativa os receptores de serotonina, deve-se ter cuidado com a chamada Síndrome Seretoninérgica, uma condição potencialmente fatal resultante da combinação de substâncias que aumenta os níveis de serotonina.

  • Histórico familiar e predisposições genéticas

Mesmo quem não possui um diagnóstico psiquiátrico, deve estar atento ao seu histórico de transtornos na família. Os distúrbios psiquiátricos possuem causas multifatoriais, e a predisposição genética é um dos fatores associados a presença dessas condições. Caso seu núcleo familiar seja composto por algum histórico de transtornos psiquiátricos, tenha cuidado dobrado com o uso de substâncias que interferem no funcionamento cerebral de alguma forma.

  • Companhias durante o uso

Se você não está acostumado com cogumelos mágicos, é muito bom ter por perto alguém de confiança que faça com que você se sinta seguro. Principalmente se for a primeira vez, e você não sabe como vai reagir ou as doses ideais para o seu organismo, lembre-se sempre que estar sozinho pode ser inadequado caso você não se sinta bem, precise de ajuda ou de alguém para conversar.

  • Saúde Física

Não é só as questões emocionais que são relevantes nesses casos. O bem-estar do nosso organismo depende de um conjunto de fatores, e por esse motivo, esteja consciente também da sua saúde física. No caso de cansaço exacerbado, gripes, infecções, ou aquela sensação de imunidade baixa, pode ser um sinal para evitar o uso de cogumelos mágicos.

  • Outras drogas
psilocibina efeitos adversos

Da mesma forma que as interações medicamentosas são perigosas, o uso conjunto de cogumelos mágicos com outras drogas pode ser prejudicial e potencializar bad trips. Tenha cautela, principalmente se você for iniciante. É indicado fazer o uso apenas dos cogumelos e evitar ao máximo o uso concomitante com outras drogas.

As interações com drogas lícitas não são menos perigosas. O uso conjunto com o álcool, por exemplo, pode ser bastante perigoso, pois a substância provoca um efeito inverso ao dos cogumelos. Enquanto cogumelos mágicos provocam sensações mentais um pouco mais aceleradas, o álcool é uma droga depressora que normalmente diminui a velocidade dos pensamentos. A interação entre as duas substâncias pode causar um mal-estar generalizado e desencadear uma bad trip e até reações desconfortáveis mais duradouras.

  • Ambiente adequado

Além das pessoas que te acompanham, é fundamental que o contexto de uso também seja apropriado. Ambientes seguros, sem barulhos, em lugares que você se sinta realmente confortável, pode ser fundamental para que o seu uso seja positivo e a bad trip com cogumelos seja evitada. O uso de cogumelos mágicos é mais comum em ambientes mais íntimos, em que as pessoas estão preparadas para lidar com qualquer efeito adverso. Festas e festivas lotados podem ser evitados nesses momentos.

  • Hidratação

Se hidrate: tomar água é uma opção muito bem-vinda e ajuda o metabolismo a funcionar direitinho. O nosso organismo geralmente reconhece substâncias desconhecidas como tóxicas, e tenta eliminar. Sem beber água, o seu corpo vai tentar eliminar a substâncias de outra forma e retirar água que já existe no seu organismo, o que provoca desidratação. Então, nunca considere que se hidratar impede a potência do efeito, pois pode gerar riscos reais para a saúde. Tome água antes e durante a experiência.

  • Se alimente bem

Os efeitos são muito mais potentes quando estamos de estômagos vazio, e nem sempre isso pode ser benéfico. Intensificar demasiadamente o contato com a substância pode ser um risco para que seu organismo receba os elementos de forma negativa.

  • Cuidado com a quantidade

Fique atento as doses. Especialistas garantem que iniciantes não devem tomar mais de 30g de cogumelos em sua forma natural, o que equivale a 3g de cogumelos secos. Após experenciar duas ou três vezes essa dose, você já vai estar mais preparado para definir se seu organismo é capaz de lidar com doses maiores sem enfrentar efeitos adversos.

  • Conheça a procedência

Quando falamos de produtos que não são regulamentados, conhecer a procedência pode ser um desafio. Entretanto, é muito importante conhecer os fabricantes, vendedores e a origem para garantir qualidade e segurança. Produtos de procedência desconhecida podem sofrer qualquer tipo de adulteração, como a adição de substâncias de baixa qualidade, falsificação, diluição ou substituição de ingredientes, entre outros. Por esse motivo, estar desatento a essas questões pode oferecer um risco à saúde.

  • Entenda como os efeitos atuam

Os efeitos dos cogumelos mágicos vêm e vão. Por esse motivo, é comum que as pessoas acreditem que o efeito passou e elas estão prontas para consumir novamente. O principal cuidado é esperar tempo o suficiente para saber se os efeitos realmente passaram ou estão apenas oscilando e evitar ingerir a substância antes que os efeitos realmente tenham passado, pois pode intensificar as sensações e provocar consequências indesejadas. No geral, os efeitos começam entre 20 e 60 minutos após o uso e sua duração pode variar entre 4 e 12 horas, por isso, não é recomendado repetir doses durante esse intervalo.

Como sair de um caso de bad trip com cogumelos

bad trip com cogumelos magicos

Apesar de parecerem duradouros para quem está enfrentando, os efeitos da bad trip com cogumelos mágicos geralmente passam rápido. Mantenha a calma e respire fundo! A respiração pode ser uma forte aliada pois nos ajuda a conectar as coisas ao nosso redor. Lembre-se de tomar água ou bebidas doces. Procure um lugar acolhedor e solicite a companhia daquelas pessoas que você confia, para que você se sinta mais seguro.

Quando se trata desse assunto, é muito importante ter noções básicas de primeiros socorros, para ser capaz de identificar a gravidade da situação. Caso você não saiba como agir, contate o serviço de emergência local. Grande parte dessas situações são desencadeadas por questões pessoais de ordem psicológica, e a bad trip pode ser um sinal de que algo não vai bem. Então, não deixe de procurar atendimento psiquiátrico e/ou psicológico nesses casos.

Assim como a cannabis, os psicodélicos são de grande interesse da comunidade científica e estão sendo explorados como alternativas terapêuticas importantes para casos de ansiedade, depressão, abuso de substâncias e outras condições de saúde. Nós esperamos que a sua experiência com cogumelos mágicos seja positiva e benéfica, por isso não deixe de tomar as precauções necessárias quando tiver contato com a substância.

Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

Não perca nossos conteúdos!

Se inscrevendo em nossa newsletter você fica sabendo de todas as novidades que rolam por aqui e recebe nossos relatórios e promoções em primeira mão!


    0
    Nós adoraríamos saber sua opinião, deixe seu comentário!x